segunda-feira, 7 de setembro de 2009

RIO - POEMA DO BRASIL

Eu estava de mudança para o Rio de Janeiro em dezembro de 2005, estava no "quarto do profeta" hospedado pelo meu grande amigo Paulo Brito, da Igreja Maranata, o dia amanhecia e eu fiquei com saudade de compor música. Deus me deu essa canção que depois o Stenio Március que fez essa belíssima letra.

RIO POEMA DO BRASIL
Letra: Stenio Március - Música: Edilson Botelho
Quem nunca te viu
Jamais saberá o que é uma cidade
que ri pra voce, nas cores, nas luz, morros e mares
Encantos mil, poema do Brasil
Um povo a cantar o amor que no ar deixou uma pista
Aqui, sem querer, voce quando vê, vira um artista
E quem já viu, jamais esquece o Rio
Mas é tão triste, ver tu dor,
Será que o Rio já se esqueceu do Redentor
Que é muito mais do que o postal dessa cidade,
Cristo é quem pode, encher o Rio de felicidade e paz.
Rio de Janeiro, jardim de Deus,
Vem a Jesus, deixa ele ser o teu Senhor
Que seja a cruz, orgulho e glória desse povo
Faça o perdão de Deus, a essa cidade que é maravilhosa
Cantar.


video

3 comentários:

  1. vc é um dos grandes múusicos desse país. estou feliz por aparecer pra nós que amamos sua música.
    abraços
    selma nogueira

    ResponderExcluir
  2. Selma, lembre que a letra é do Grande Poeta Stenio...eu só fiz a música...

    ResponderExcluir
  3. Lindo! Simplesmente lindo! Parabéns Edilson.
    Se tiveres um tempinho dá uma olhadela no meu blog www.arletepoesia.blogspot.com :)

    ResponderExcluir